Curitiba Cinza - Informações  

Posted by Diego Erik in


Curitiba Cinza

-Informações de Cenário-


Casas influentes
Efetivamente existem Sidhe de todas as casas nobres em todo o império do primeiro planalto, porem só algumas dessas casas tem real influencia sobre o governo.

Casa Fiona: A casa fiona diferente das outras casas Seelie busca uma interpretação mais liberal das tradições, colocando muitas vezes suas paixões e sentimentos na frente das mesmas. Os membros desta casa estão ligados ao aspecto mais animal dos kithain possuindo aparência ferina em suas feições.
A casa fiona foi a responsável pela influencia que a casa Ailil possui, já que por pura pressão o imperador Nassu autenticou o ducado das águas negras como legitimo.
O principal representante desta casa é o duque Alvir ou “barão do serro azul”, o sucessor do trono pelo tratado da batalha do vale, no entanto, muitos dos nobres temem essa sucessão por considerar Alvir inconsequente demais mesmo para um fiona.
Alguns nobres da casa fiona sugerem que a tratado da batalha do vale seja alterado para que ao invés do lord Alvir outro seja escolhido, a grande maioria desses reformistas sugerem o lord Arandur “o ponderado”.

Casa Gwydion: A casa Gwidion produz lideres proeminentes e importantes, que são considerados por muitos os lideres entre os lideres. Seus integrantes porem tem uma terrível tendência a entrar em um estado de fúria incontrolável destruindo tudo que esta em sua frente e em alguns casos nunca retornando desse estado.
Atualmente esta casa detém o poder do império do primeiro planalto e por tanto do reinado do pinhão, mas alguns acham que não por muito tempo já que seus dois principais representantes, Imperador Nassu e Rei Archeron, estão no fim de suas vidas.

Casa Ailil: Esta é a única casa Unsiliee com alguma representatividade legitimada, ou seja com domínios que são aprovados pelos dois selos. Apesar da a casa Ailil ter ganhado representatividade oficial a pouco tempo, seus membros sempre estiveram ligados indiretamente aos assuntos da corte, muitas vezes como espiões, pratica que se mantém até o momento atual. A principal representante da casa é a Dama de Chumbo.
Os membros dessa casa usam sempre roupas pretas, a cor de suas peles e de seus cabelos varia entre a cor da mais pura neve ao tom de uma nuvem limpa de um dia de verão.

Casa Eiluned: Esta casa é constituída por feiticeiros, videntes e conselheiros. Seus únicos representantes com alguma na influência na corte são conselheiros. As principais figuras dessa casa são a conselheira real Liana e o Alto conselheiro Rodrin.



Lugares Relevantes
Cada vez existem menos lugares que podem ser chamados de glamorosos,onde a sintonia entre o mundo banal e o mundo dos sonhos é mais forte. Os listados aqui são os principais porem existem outros não tão grandes ou conhecidos como estes.

Império do primeiro planalto: O império do primeiro planalto é controlado principalmente pelas cortes Gwidion e fiona com uma pequena participação da casa Ailil, sendo que as duas casas principais tem um tratado de alternância de poder onde hora um representante da casa Gwidion tem poder sobre o império e hora um representante da casa Fiona o tem. O império não compreende nem a serra e litoral, nem o extremo oeste do estado.

Reinado do pinhão: Um dos principais reinos do primeiro planalto, sua área compreende alem da área da Capital do Pinhão, os ducados do mate, ducado dos heróis e ducado das águas negras.

Capital do pinhão: Conhecido pelos banais como Curitiba e região metropolitana, a capital do pinhão é conhecida por abrigar o notável palácio do grande imperador Nassu, mas o responsável por cuidar de assuntos locais não é o imperador Nassu e sim o Rei Archeron. O reino do pinhão é conhecido por abrigar notáveis ordens de cavaleiros sendo as mais famosas a Ordem das Araucárias, Ordem da Cutia, Ordem da Gralha Azul e Ordem do Pinhão.

Ducado do mate: Compreende a área conhecida como Cerro Azul. Apesar do nome, não existe mais nenhum mate no ducado do mate, o lugar foi tomado por plantações. A pouca vegetação nativa do local é guardada pela casa fiona, a casa mais influente do local liderada pelo duque alvir.

Ducado dos heróis: Compreende o local conhecido como Lapa, ganhou esse nome devido a grande quantidade de feitos heroicos que ocorreram e ainda ocorrem no ducado, é como se nesse lugar fosse destinado a nascer heróis.

Ducado das águas negras: O ducado das águas negras compreende a área conhecida como Rio Negro. Ganha esse nome pela passagem do rio negro. O ducado é um local onde poucos nobres têm terras já que a dama de chumbo reivindica todo domínio livre para si deixando suas quimeras soldados de chumbo guardando os domínios com

Biblioteca labiríntica da sabedoria eterna: Conhecido pelos banais como a biblioteca publica, a biblioteca labiríntica da sabedoria eterna talvez seja a maior fonte de conhecimento sobre a sociedade e historia feérica, possuindo livros e pergaminhos sobre os mais diversos temas. A biblioteca possui uma estranha mania a de prender os desavisados e os tolos em seu labirinto de sabedoria obrigando os pobres coitados a estudarem para todo o sempre, ou até passarem em seu teste.

A Estação: A estação é considerada uma das vitorias mais grandiosas entre as poucas contra a banalidade. É um símbolo de esperança pois mesmo em um lugar cinza afetado pelo consumismo vazio como um shopping, o glamour ainda pode superar a banalidade. A estação tem como objetivo transportar passageiros para todos os lugares e ao mesmo tempo para lugar nenhum.

Jardim da dama Lantana: O jardim leva esse nome por causa de Latana arco-Iris, uma bogan muito bem apessoada que cuida das flores do jardim. Os jardins servem como ponto de encontro para os bem intencionados, porem aqueles que veem até o jardim com intenção de tomar o domínio livre para si acabam se deparando com o guardião do local, o velho e sábio leshy conhecido como Alrinem.

Domínio da Capivara: Escondido entre as arvores de um parque banal, este era o principal domínio da casa Fiona, porem cada vez mais o Domínio vem sendo profanado por banais. Com dificuldades pra defender seu domínio, a casa Fiona decidiu criar um jacaré atroz em seus domínios para espantar qualquer banal que tente entrar no domínio, no entanto o mesmo saiu de controle e tomou o domínio para si.

Domínio livre do zoológico sagrado: A ordem das araucárias vigia de perto esse domínio livre, uma vez que ele já foi muito ameaçado no passado, e até chegou a ser fechado. Este é um dos domínios livres mais difíceis de serem mantidos, já que precisa de muitos sonhadores para alimentá-lo; sem pessoas o zoológico sagrado fica esgotado. Pensando nisso, a ordem das araucárias decidiu abrir para todos o Zoológico em um dia no final do ano, quando o domínio mais precisava de uma fonte renovadora de glamour.

Bistrô taverna da Mafalda: Um lugar caseiro, simpático e reservado localizado no condado do Campo da Boa Personalidade (campo largo)  tudo que um boggan poderia querer. A especialidade da casa é macarão meio verde ao molho de palavras doces e reconfortantes.

Pico dos sapos dourados: Também conhecido como anhangava, esse pico é cercado por mistérios, sendo o lar de varias quimeras, e ganhando esse nome por causa de uma em especifico, A Grande Dourada, uma sapa que pare milhares de sapos minúsculos por dia. Alem disso o pico serve como ponto de encontro para os eshus trocarem historias uma vez a cada um ano e um dia.

Clube nada secreto da luta: Este clube serve para qualquer kithain que esteja afim de liberar seu ódio. Todo fim de semana eles se encontram no clube que fica na praça Bela Vista do Passaúna, um lugar não tão banal nas terras bárbaras do capitalismo. As lutas são abertas para qualquer um que tenha coragem de ir até lá, mas seus frequentadores mais comuns costumam ser ogros e redcaps.

Dojo Koi: Localizado na praça do Japão este dojo tem como objetivo treinar os bem intencionados e os necessitados para enfrentarem as dificuldade da vida. Nesse dojo não se ensina só kenjutsu, se ensina paz de espírito e autocontrole e é por isso que muitos poucos aguentam o severo treinamento ministrado por Iori sansei. Alem disso o local é um importante ponto estratégico do reino do pinhão.

Praça do homem armadurado: A praça tem como função homenagear a todos os cavaleiros e feitiçeiras do reino do pinhão,  o local possui duas estatuas uma delas um gigantesco homem com uma armadura de placas completa  e outra uma feiticeira vestida com uma grande túnica.

Faróis da sabedoria:Estes faróis servem como um ponto de encontro para magos trocarem seus segredos, tramarem conspirações. Existem vinte deses espalhados por toda a capital do pinhão , alguns deles se encontram corrompidos pela banalidade enquanto outros brilham tão fortemente em glamour que servem como ponto de referencia para qualquer quimera voadora.

Organizações relevantes
Existem muitas organizações não tão importantes como as inúmeras gangues de redcaps. As organizações apresentadas aqui são de alguma importância política ou social.

Ordem do pinhão: Essa ordem de cavaleiros são os defensores da plebe, são conhecidos por levar a justiça para aqueles que infligem às leis. Suas cores são o branco e marrom e seu símbolo o pinhão. A maioria de seus membros são trolls e satiros, sendo a ordem com mais pessoas ocupando o posto de Guardião, mas com poucos cavaleiros realmente titulares.

Ordem das araucárias: Essa ordem de cavaleiros é responsável por guardar lugares importantes como domínios livres. Suas cores são o verde escuro e branco. Seus membros mais numerosos são trolls e leshys.

Ordem da gralha azul: Essa ordem é responsável pela segurança dos nobres. Suas cores são o azul escuro e o preto. Ser parte dessa ordem mesmo como um guarda é considerado uma das maiores honras que se pode atingir como cavaleiro, pois a ordem da gralha azul é considerada a grande protetora do reino do pinhão, pelo menos pelos nobres. A ordem da gralha azul é primariamente Sidhes mas possui alguns trolls ocupando a maioria o posto de guardião.

Ordem da cutia: A ordem da cutia é responsável por cuidar do meio ambiente natural. Eles dizem ser os verdadeiros protetores do reino do pinhão, sendo a ordem rival da ordem da gralha azul. Suas cores são o marrom e o amarelo. Seus membros mais numerosos são Sidhes, sátiros e Leshiyes que ocupam em maioria o posto de guardião.

G.R.A.N.J.A.: Grupo Revolucionário Anti Nobres a favor da Justiça e contra Autocratas, é um grupo plebeus que tem como objetivo a mudança de governo dos Sidhe para algo mais democrático ou em algum casos anárquico. Seus membros são em maioria desordeiros unseelies que apenas querem propagar o caos, porem há aqueles membros mais politizados que são reconhecidos por serem lideres comunitários.

O ultimo gole: Uma milícia formada e comanda por Sir. Carv, que tem como objetivo controlar as gangues de redcaps. O ultimo gole começou como um clube de cavalheiros e damas com interesse em comum a bebedeira e a festança, mas devido ao assedio de recaps o clube acabou se tornando um inimigo das gangues. Os boatos dizem que O ultimo gole acabou se tornando como seus inimigos e que o ‘clube” esta envolvido com atividades suspeitas e proibidas, como o repasse de drogas feéricas a humanos.

Sindicato dos maquinistas: O sindicato dos maquinistas foi formado com o objetivo de garantir o espaço dos Nockers na sociedade feérica, o principal feito do sindicato foi reabrir A estação. Seu principal fundador é o Engenheiro chefe Tub, porem o sindicato possui um conselho com outros quatro membros.

Casa dos contadores de historias: Este grupo tem como objetivo levar historias para idosos e crianças, trazendo o glamour à suas vidas. Reforçando as crenças das crianças na magia e levando um pouco de brilho a vida banal dos idosos, a casa dos contadores de historia se reúne a cada lua nova na biblioteca labiríntica do saber eterno.

Clube dos pescadores e caçadores: Apressar do nome esse clube não envolve nenhuma caça ou pesca, e basicamente serve para reunir os maiores mentirosos, salafrários e dissimulados de toda capital do pinhão. Seus principais frequentadores são eshus e pookas, sendo que o clube tem um rígido teste (segundo eles mesmos) para aqueles que querem ser membros de carteirinha do clube. As reuniões do clube costumam acontecer no bar e mercearia do Glibe, um local que tem muito de bar e bem pouco de mercearia.

Mercado dos trolls: Um mercado repleto das quinquilharias mais incríveis e ao mesmo tempo inúteis aos olhos destreinados, esse mercado só abre no domingo, menos no festival do Beltane, onde o mercado fica aberto o final de semana inteiro em comemoração a data. Lady Ghilld é a responsável pelo mercado dos trolls e é conhecida por se divertir de maneiras sádicas com aqueles que infringem as leis da negociação.

Clube STORM de batalha campal: Este grupo de combatentes treina todos os domingos em frente a praça nossa senhora da Salete,  trocando assim informações sobre técnicas de combate e aprimorar suas técnicas. A grande maioria dos seus membros são trolls.


O artífice expresso: Um jornal sensacionalista com o intuito de expandir as criticas dos círculos de conversas do nockers para todos. O jornal possui criticas contundentes a basicamente tudo, não defendendo lado algum em nenhum momento, muito pelo contrario atacando a todos os lados, a não ser é claro quando se trata dos próprios interesses do jornal.



Personagens Renomados
Existe muitos Kithain no mundo, porem nem todos eles é o que você poderia chamar de digno de uma reputação, o que não é o caso das personalidades a seguir.

Sir. Uldrim “ o domador do grifo”: Um cavaleiro troll bravio que vem ganhando reconhecimento na corte desde que derrotou o indomável grifo azul em combate justo ganhando assim suas penas, as quais foram dadas de presente para o imperador Nassu. O imperador gostou tanto do presente que nomeou Uldrim como um cavaleiro da gralha azul e principal defensor da princesa Helena.

Princesa Helena: Uma Sidhe bravio, e que assim como o seu Pai Rei Archeron é pertencente a casa Gwidion. Helena é conhecida por sua grande beleza e por sua empatia pelos plebeus. Ela é uma das principais colaboradoras para com a casa dos contadores de historias.

Rei Archeron: Regente do reino do pinhão, pertencente a casa Gwidion. Línguas dizem que se antes Archeron fora um bravo e honrado combatente, que agora não passa de um Sidhe rezingão que vive trancado em seu palácio. Todos sabem que seu reinado esta próximo do fim e que o poder será alternado novamente passando a casa fiona.

Conselheiro real Rodrin: O conselheiro real Rodrin foi o mediador do tratado do vale a 30 anos atrás, antes mesmo do atual rei ou o atual imperador ocuparem seus postos. Rodrin desde então tem servido como conselheiro real.

Conselheira real Liana:Lliana é a Irma gêmea do conselheiro real Rodrin, e era a conselheira real, até seu recém desaparecimento. Alguns dizem que por causa da idade avançada liana ficou totalmente louca e foi viver sozinha no pico do anhangava, buscando exílio enquanto está próxima do seus últimos suspiros.

Duque Alvir “barão do serro azul”: Regente do ducado do mate, esse Sidhe bravio da casa fiona é conhecido por ser um grande defensor da natureza. Ele é o destinado para assumir o trono quando a luz do atual imperador se apagar. Ele já declarou abertamente o seu amor pela Princesa Helena e pretende dividir o trono com ela como símbolo da união das duas casas mais influentes de todo império do primeiro planalto. Alem de ser considerado inconsequente mesmo entre os fiona após ter declarado o seu amor, dizem os boatos que alguns nobres se juntaram para impedir que Alvir tome o trono.

Conde Arandur “o ponderado”: O conde Arandur da casa fiona, é um Sidhe bravio que ganhou muito reconhecimento ao ter convencido o Gran Mestre das Pegadinhas Gumi, enlouquecido pelo poder, a não destruir a represa de piraquara. Esse ato fez com que se Arandur fosse conhecido como Ponderado. Alem disso o Conder Arandur tem muitos amigos políticos que o querem como imperador, por mais que o tratado da batalha do vale não permite que isso aconteça.

Duque Olaf, dente quebrado: Regente do ducado dos heróis, pertencente a casa Gwidion. Esse troll infante é conhecido por sua característica arma, uma Lança feita com uma presa do grande queixada atroz, um lendário queixada que durante seis anos aterrorizou os plebeus do ducado dos heróis, mas foi heroicamente derrotado em um desafio de força proposto por duque Olaf, que acabou arrancando uma das presas do queixada em um cabo de guerra.

Duquesa Ghildem “dama de ferro”: Uma Sidhe infante da casa Ailil, regente do ducado das águas negras, a duquesa Ghildem é conhecida pela sua frota pessoal de soldados de chumbo que impedem que qualquer um chegue perto de sua eminência. A duquesa apenas conversa diretamente com nobres e qualquer comunicação externa com plebeus é feita apenas por cartas ou pronunciamentos formais públicos.

Imperador Nassu “o imperador gralha azul”: Praticamente uma figura lendária, poucos plebeus podem afirmar ter realmente  visto o imperador. As únicas certezas são que o imperador pertence a casa Gwidion e é um Sidhe. As lendas dizem que o imperador é um rezingão de aparência exuberante até mesmo para um Sidhe.

Engenheiro chefe Tub: Engenheiro chefe Tub foi o principal idealizador d'A Estação, que simboliza uma luz de esperança em meio a banalidade, alem de ser um dos fundadores do sindicato dos maquinistas, o que tornou Tub uma figura muito importante e reconhecido na sociedade feérica, principalmente entre os nockers.

Sir Carv: Um cavaleiro Sidhe afiliado a casa Ailil, conhecido por seus excessos. Sir Carv vive cercado de plebeus e sempre evita a reuniões e festas da corte, o que faz com que os outros Sidhe olhem torto e cochichem sobre ele, sempre que está a passar. Alem disso existem vários boatos sobre Sir Carv estar envolvido no trafico de drogas feéricas para humanos.

Sir Iorim Sensei: Iori é um cavaleiro Troll rezingão afiliado a casa Gwidion. Ele ensina técnicas de kenjutsu no dojo Koi (praça do Japão), para todos aqueles que aguentarem o treinamento pesado e que estejam dispostos a despender todo o seu tempo em prol do treino.

O Gran mestre das pegadinhas Gumi: Este pooka infante em forma de furão foi três vezes campeão do dia de todos os bobos, e é considerado um herói para quase todos os pooka. O Gran mestre no entanto é conhecido ser um tanto bipolar e quando ninguém esta olhando costuma fazer pegadinhas de extremo mal gosto, mesmo para um pooka.

Lady Ghilld: Uma sidhe bravio de longos cabelos coloridos que cuida do mercado dos trolls, ela é conhecida por ser especialmente sádica com os desavisados que caem no azar de infringir alguma das normas do mercado, como por exemplo uma vez que fez um certo redcap vestido de macaco dançar de nadegas expostas para todos no mercado em pleno Beltane.



Lendas e criaturas
Existem muitas lendas em toda capital do pinhão as apresentadas aqui são apenas as mais famosas.

Tuneis de Curitiba: o subterrâneo de Curitiba é cheio de mistérios. Dizem as lendas que existem tuneis construídos para guardar o tesouro dos jesuítas, nesses tuneis secretos foram construídas armadilhas e desafios e entre eles há uma cobra verde gigantesca para guardar o local. Esta cobra enquanto passeia por toda a cidade deixa suas marcas pelo asfalto e calçadas.

O tesouro do cavalo babão: A muito tempo em uma noite de eclipse uma égua dava a luz a um potro, mas não em uma noite qualquer, uma noite de eclipse e por isso o cavalo nasceu babão. Rejeitado pelo seu dono ele foi entregue a um menino, conhecidos pelos seus pares como Sir Galdron da casa Gwidion. Ele e seu alazão babão saíram por onde hoje se localiza império do primeiro planalto, naquela época ainda não unificado. Ele juntou tesouros imensuráveis e os guardou em um local desconhecido, e no fim de sua vida ele mandou erguer um monumento em homenagem ao alazão babão. Dizem que na noites de lua cheia o cavalo babão aparece em torno do seu monumento e aquele que conseguir domar esse cavalo descobrirá onde Sir Galdron guardou seu tesouro.

Grifo azul: No topo do pico dos sapos dourados mora o grifo azul, pai de todas as gralhas azuis. Dizem que sua presença faz com que araucárias brotem do chão, e também que apenas com a benção do grifo azul um imperador terá uma vida plena e longa, o grifo azul foi recentemente derrotado por Sir Uldrim e forçado a entregar suas penas.

Jacaré do domino das capivaras: Este jacaré tomou da casa Fiona,o qual era seu domínio mais importante dentro da capital do pinhão. A ordem das araucárias colocou um premio alto para quem conseguir expulsar o jacaré do domínio das capivaras.

Araucária mãe: uma gigantesca araucária que só os cavaleiros leshys da ordem das araucárias e da ordem da cutia sabem sua localização, a araucária mãe produz um único pinhão a cada quinze anos e apenas durante invernos rigorosos. Dizem que o pinhão da a capacidade de nunca mais precisar comer mais nada para aquele que o ingerir.

O gritador: No condado das uvas romanas conta-se a lenda de um homem que atormenta aqueles que perdem o caminho, dizem que o gritador era um homem que se perdeu a muito tempo e morreu enquanto gritava por ajuda. Aqueles que se perdem e começam a gritar por ajuda acabam se deparando com essa criatura e ficando malucas com os seus gritos.

O biarticulado gato: Quando um Kithain esta totalmente perdido, cansado, com fome e solitário dizem que esse biarticulado com aparência de gato surge para te levar exatamente onde precisa estar, mesmo que você não saiba onde exatamente precisa estar.

O santuário perdido das aves de rapina: O que hoje é um lugar banal apenas conhecido como passei publico e consumido já foi um abrigo para os Kithain que precisavam de um lugar para ficar, o lugar porem foi cercado por ferro frio matando aos poucos o domínio. Alguns dizem que ainda há um santuário dentro desse mar de banalidade, um santuário dedicado as aves de rapina. O fato é que nenhum Kithain consegue ficar muito tempo por lá, graças a banalidade que emana do local.

O Bicho papão: A cada dois anos uma criatura surge espalhando caos e medo pela cidade,ela assume sempre uma nova forma  criando novas historias de terror , algumas das atrocidades atribuídas a essa quimera  estão sacrifícios satânicos tendo como vitimas crianças (2007) , O assassino da mala (2009) e extermínio de mendigos (2015). 

Artefatos lendários
Segue uma lista de alguns artefatos mágicos de localização conhecida, alem desses existem outros,e muitos deles secretos ou perdidos.

A capa do imperador: Feita com as penas do lendário grifo azul, essa capa faz com que todos que presenciem seu semblante magnífico se ajoelhem em referencia, também confere o poder de conversar com aves, e manipular a forma de qualquer araucária a fazendo crescer, diminuir, entortar ou o que mais foi imaginável.

Coroa de pinhas: Feita das pinhas da araucária mãe, essa coroa se encontra na posse do rei. Dizem que a coroa confere o poder de impedir que qualquer um consiga ferir o seu portador, e aqueles que o tentam são atormentados com terríveis consequências, que podem variar dependendo do tamanho da infração.

Cetro do rei dos travessos: Este cetro é conferido ao ganhador do dia de todos os bobos. Ele tem o poder de que toda pegadinha que seu possuidor faça acabe tomando proporções maiores do que o esperado. Curiosamente o cetro imite sons engraçados sozinho ao fim das pegadinhas e as vezes espontaneamente.

Presa atroz: Esta lança se encontra em posse de duque Olaf, a lança tem o poder de invocar o poderoso espírito do queixada atroz, fazendo com que seu possuidor encarne uma fúria controlada. Alem disso o seu possuídor também ganha a habilidade de rastrear trufas e saber quais fungos são comestíveis ou não.

Enciclopédia selvagem: Criada por um mago Pooka, essa enciclopédia, dizem, sabe de absolutamente tudo, graças a sua dieta rica em livros menores. Ela é encontrada voando livremente pelos arredores da biblioteca labiríntica do saber eterno (biblioteca publica) e qualquer um disposto pode consulta-la se assim desejar, mas para poder ser consultada antes é preciso captura-la, o que não é uma tarefa fácil. Aqueles que tentam levar a enciclopédia selvagem para casa acabam tendo uma terrível surpresa quando a enciclopédia o suga para dentro de um de seus capítulos.

Garrafão parcialmente cheio: Esse garrafão esta em posse do Conde Halfnir “O sóbrio”, conde do condado do garrafão parcialmente cheio. Esse garrafão tem a habilidade de estar sempre parcialmente cheio de vinho. Ele surgiu de uma discussão de taverna entre sátiros e Leshyes para saber se o garrafão estava meio cheio ou meio vazio, depois de três dias de discussão o garrafão já estava esgotado a muito tempo, e a paciência do taverneiro Boggan tinha ido junto com o liquido antes presente no garrafão. Decidido a acabar de uma vez por todas com a discussão, o taverneiro enfeitiçou o garrafão para que ele sempre estivesse parcialmente cheio, obrigando assim os sátiros e os Leshyes a entrarem em um consenso sobre a quantidade de liquido no garrafão.

Broches de herança: Estes broches geralmente surgem junto com o voile daqueles que possuem terras ou títulos que transcendem uma vida, por tanto aqueles que portam esses broches tem direito a um domínio ou titulo de nobreza especifico dês de o momento em que saem da crisalida.  



Momentos históricos
Existem muitos changelings que estão ligados diretamente com a historia, aqui vai alguns fatos históricos que estão diretamente ligado com os changelings.

O paranismo: Este movimento artistico trouxe uma identidade para aqueles que viviam no Paraná e trouxe uma identidade para cidade de curitiba. Esse movimento foi o grande plano de uma trupe de satiros na tentativa de levar o glamour a um Paraná recem estabelecido. As marcas desse movimento permanecme ainda presentes em todo reino do pinhão porem parcialmente esquecidos ou muito superados pela banalidade.

A estrada dos reis de ferro: Conhecida pelos banais como estrada de ferro de paranagua, fora construida pelos irmãos bouçar, Trinke e Vrim bouçar. Ligava dois importantes reinos,  o reino do pinhão e o reino do litoral (atual principado do litoral).

Guerra dos farrapos: A revolução que visava separar o imperio do mate livre da dominação do grande imperio unico do pau Brasil. Liderados por um troll chamado lorde Heindrag (beto gonçalves), os farroupilhos foram derrotados na batalha do pampa porem seu espirito é lembrado até hoje pelos habitantes do imperio do mate livre.

Revolução federalista: Esta revolução ocorreu quando o imperio unico do Pau Brasil caiu dando origem a novos imperios independentes. Nessa epoca um redcap chamado Lord Loreffell, grande defensor idalista do Imperador Dom Parestem II, enfrentou Lord Amiv, um pooka pica-pau que defendia o ideal de separação do imperio unico do pau Brasil em varios outros pequenos reinos. Depois de dois anos a revolução foi parada na batalha do cerco ao ducado dos herois, que ganhou esse nome justamente em honra aqueles que foram mortos neste cerco.

Arcadismo: Esse movimento foi idealizado inicialmente por um grupo de rezingões consumidos em nostalgia, com suas obras literárias e pinturas eles buscavam retratar a vida harmoniosa entre a natureza e o humano, assim como era antes dos portais para arcádia se fecharem. Quase sem querer a ideia acabou se espalhando e criando força, já que muitas pessoas desiludidas com a revolução industrial buscavam reaver os valores do campo e da harmonia com a natureza.

Lista de condados da capital do pinhão

Bairro novo: Estrada dos nobres.
Regente: Conde Nixem “O verdadeiro” da casa Gwidion.

Boa vista: Casa dos justos.
Regente: Condessa Olgue ”palavra da bondade” da casa Gwidion.

Boqueirão: Condado da bocara.
Regente: Conde Solvir “O cantor” da casa Fiona.

Cajuru: Boca da mata.
Regente: Condessa Hilg ”pele macia” da casa Gwidion.

CIC: Terras bárbaras do capitalismo.
Regente: Gangues diversas.

Fazendinha-portão: Condado de Jorge, antigo contado das algas verdes.
Regente: Conde Kolem “O guardião do povo” da casa Gwidion.

Matriz: Condado da gloria real.
Regente: Condessa Silf “A protegida do rei” da casa Gwidion.

Pinheirinho: Condado do pinheiro glorioso.
Regente:Conde Lorrev “O conquistador” da casa Gwidion.

Santa felicidade: Condado Sorridente.
Regente: Conde Magnus “Aquele que emana alegria” da casa Ailil.

Fazenda rio grande: Condado da grameira.
Regente: Condessa Oliva “A vibrante” da casa Fiona.

Campo magro: Campo do peso ideal.
Regente: Conde Graunir “O feroz” da casa Fiona.

Campo largo: Campo da boa personalidade.
Regente: Conde Hollaf (troll). “O carismático” da casa Fiona.

Araucária: Condado da araucária orgulhosa.
Regente: Condessa Emellyem “Do coração hospitaleiro” da casa Fiona

São Jose dos pinhais: Condado do garrafão parcialmente cheio.
Regente: Conde Halfnir “O sóbrio” (Leshiye) da casa Fiona.

Piraquara: Condado do peixe embusteiro.
Regente: Conde Arandur “o ponderado” da casa Fiona.

Pinhais: Condado do guardião da ferrovia.
Regente: Conde Hallvard (troll) “O vigilante” da casa Gwidion.

Colombo: Condado das uvas romanas.
Regente:Conde Ifrid “O bonito” da casa Fiona.

Almirante Tamandaré: Condado naval.
Regente: Conde Almirante Nevill (pooka) “O almirante” da casa Gwidion.



Datas importantes

Lammas (primeira colheita)- 2 de fevereiro
Mabon (equinócio de outono)- 21 de março
Dia de todos os bobos - 1 de abril
Samhain (festa dos mortos)- 10 de maio
Yule (solstício de inverno)- 21 de junho
Imbolc (aguardo do fim do inverno)- 2 de agosto
Eostar (equinócio de primavera)- 21 de setembro
Beltane (Florescer) – 31 de outrubro
Festa do tratado- 9 de novembro
Litha (solstício de verão)- 21 de dezembro

Lammas- Esse Sabbath marca a primeira “colheita” quando os frutos do trabalho duro começam a aparecer. A partir dessa data os dias se tornam mais curtos e as noites mais longas. Essa data é comemorada com uma grande festa a fantasia no palácio do imperador , onde todos são convidados, e ocorrem bebedeiras e excessos. É a época preferida do ano de quase todo Satiro e fiona.

Mabon- Marca o começo do outono. Antigamente era aqui a coroa era entregue aos Unseelies, mas agora essa data serve como a única noite de reinado Unseelie.

Dia de todos os bobos- A data preferida de todo Pooka. Nessa data é feito uma competição para ver quem entre os Pooka conseguem fazer A maior, A melhor, A mais engraçada pegadinha. Aquele que consegue efetuar a Pegadinha Suprema é considerado O rei das pegadinhas, até que o próximo tome seu lugar.

Samhain- Nesse dia todos os mortos são homenageados, porem isso não é motivo de tristeza. Este dia é comemorado com festas noturnas no cemitério e pegadinhas para afastar os maus espíritos.

Yule- Marca o começo do inverno , esta data é conhecida por trazer tempos difíceis onde as coisas caminham mais lentamente. Esta data é comemorada geralmente com historias em torno de uma fogueira entre os amigos mais próximos.

Imbolc- Essa data marca o começo do fim do inverno, um momento de agradecer aqueles que passaram o inverno com você. Nessa data ocorre uma troca de presentes entre amigos.

Eostar- Essa data marca o inicio da primavera, onde o poder era passado para corte Seelie. Muitos changelings passam pela crisálida nesta data. Costuma-se entregar ovos decorados para aqueles que gosta e jogar ovos podres naqueles que não. Nesta data são feitas juras de amor e de ódio temporárias que só perduram durante a primavera, alem disso nessa data é que os amores mais fortes começam a aparecer, principalmente entre plebeus e nobres.

Beltane- Essa data marca o ponto alto da primavera quando as flores e o amor começam a florescer. Neste dia uma grande comemoração acontece no mercado dos trolls, uma grande fogueira é acessa e todos dançam,cantam, negociam e festejam em volta da mesma.

Festa do tratado- Essa data marca o fechamento do tratado da batalha do vale, em honra ao duelo que aconteceu entre O alto senhor guará Manzu da casa Fiona e O alto rei Siram da casa Gwidion, e é realizado um duelo entre dois escolhidos das duas casas. Ser escolhido como campeão de uma das casas é considerada uma honra imensa e aquele que ganha a o duelo é consagrado com o titulo de Senhor do vale por um ano inteiro. Alem disso o duelo costuma valer algo pessoal entre os participantes representando a guerra pela unificação, que pode ser desde pagar uma rodada de bebidas até um disputa mais pessoal como por exemplo a mão de um lorde ou Dama.

Litha- Esta data marca o começo do verão, é o dia mais longo e a noite mais curta. Fogueiras são acessas de noite em todo canto da cidade para afastar a noite, homenageando e comemorando o reinado da corte Seelie que afasta a escuridão. Os Unseelies costumam se resguardar nessa época do ano.


This entry was posted on segunda-feira, abril 25, 2016 at 11:37 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the comments feed .

0 comentários

Postar um comentário